Patrocínio:



Apoio:

SUS Ministério da Saúde SBN SBC DHA anad





releases

Sociedade Brasileira de Hipertensão orienta sobre condições corretas de medição da pressão arterial

A Sociedade Brasileira de Hipertensão entende que o procedimento de medida de pressão arterial pode ser realizado por profissionais da área de saúde habilitados para tal. Com isso, a Sociedade entende que apesar do procedimento ser simples, existem algumas particularidades que precisam ser respeitadas. É importante que todos os profissionais de saúde tenham conhecimento das técnicas padronizadas para tal procedimento. Os mesmos devem ser treinados e certificados como aptos a fazer tal procedimento e periodicamente reavaliados para confirmar a adequação de como a pressão arterial está sendo avaliada. Da mesma forma, o local onde a medida de pressão será feita deve respeitar algumas exigências. Há necessidade de uma sala separada onde o paciente possa permanecer em repouso por no mínimo de três a cinco minutos e que o ambiente não sofra interferência de sons externos. Não é correto fazer a medida em condições ambientais diferentes da situação exposta acima. Ainda, é importante lembrar que a proposta da aferição não é combater a hipertensão arterial, mas conscientizar, visto que o tratamento, está relacionado a uma atividade médica que implica na prescrição de medicamentos adequados às características de cada indivíduo. Portanto, a Sociedade Brasileira de Hipertensão reitera que não é contrária à medida de pressão na farmácia, desde que, e é importante frisar esse aspecto, o profissional responsável por tal procedimento seja devidamente treinado e certificado. A Sociedade Brasileira de Hipertensão tem disponível material educativo para profissionais da saúde e pode promover treinamento, quando solicitado. Mais informações: www.sbh.org.br Advice Comunicação Corporativa Nathalia Brogiatto / Fernanda Dabori Tel: (11) 5103-2779 sbh@advicecc.com www.advicecc.com



Voltar
Acesse o site da SBH no celular





A importância de cuidar de si
Destaque
Entrevista para Rede Vida com Dr. Francisco Habermann.